quinta-feira, janeiro 3

Carrinho de compras



Para quem já tem a sua independência ganha, a lista de compras é uma inevitabilidade como o próprio ar que se respira. Começa o ano e os preços só conhecem um caminho - para cima. Sendo um adepto de questões económicas, vou deixar aqui uma lista que, certamente, irá deixar, quer os cestinhos, quer as carteirinhas, um pouco mais fáceis de transportar – o ar não pesa tanto… Os valores poderão não ser exactos, ainda não existem certezas em alguns bens de consumo já que as condicionantes são mais que muitas. Uma coisa é certa, o sentido será sempre de subida e será generalizada, menos no vencimento.

Electricidade: 2,6%
Transportes públicos: 3,9%
Portagens: 2,6%
Pão: entre 10% e 15% (último aumento foi em 2004)
Arroz: vai aumentar mas não se sabe para que valor.
Tabaco: 15%
CTT e Instituto Regulador das Águas e Resíduos: aumenta depois de Janeiro. O valor ainda está a ser apurado.
Combustíveis: como se sabe, vão aumentando numa base diária, semanal, mensal…

Estes foram os valores com alguma credibilidade que apurei. Deve ser considerado o facto de que, na base destes aumentos se encontra o elevado e, se me permitem, especulativo valor do petróleo e o aumento no valor dos cereais. O aumento nos cereais deve-se à procura crescente em mercados emergentes (Índia, China) para consumo e à sua crescente utilização na transformação desta matéria-prima em biocombustíveis (por exemplo biodiesel).
Agora peguemos, qual cavaleiros de tempos idos, nos 2,1% de aumento e vamos dar luta! Luta a este governo de retomas tão falhadas como o motor de um Lada.

2 comentários:

Angela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Angela disse...

E agora o que fazer a todos estes aumentos? Pagar e mainada... por mto ke achemos injusto e manifestemos, nao ha nada a fazer é pagar e mainada e tudo indica a piorar, para o ano ha mais ou ate antes lol e é assim a vida do país...